TIC – I

Tecnologias de Informação e Comunicação Aplicadas à Biblioteconomia I
Ementa: TIC aplicadas e biblioteconomia: Evolução, conceitos, abordagens, componentes e classificações.

Aula 1 – História dos computadores

Aula 2 – Hardware

Aula 3 – Software

Aula 4 – Introdução e Tecnologia (histórico, definições e conceito)

Aula 5 – Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) e Tecnologias Avançadas (TAIC)
– Discussão do texto: A condição estruturante das tecnologias nas relações sociais: potencialidades na interlocução entre biblioteca e usuário
– Formação dos Grupos de Trabalho (GT)

Aula 6 –
– Exposição –
Parte 1 – O que é tecnologia
Parte 2 – As TIC nas unidades de informação: evolução e potencialidades.
– Referências:

Aula 7 –
– Exposição – Ética Hacker
– Seminário – GT1 – BANCO DE DADOS
– GT2 – SOFTWARE LIVRE
– Referências (pesquisar mais e indicar em comentários):
SILVEIRA, Sérgio Amadeu. Cibercultura, commons e feudalismo informacional. FAMECOS, Porto Alegre, n. 37, dez/2008.

Aula 8 –
– Exposição – As TIC nas unidades de informação: evolução e potencialidades
– Seminário – GT3 – ANATOMIA DA INTERNET
– GT4 – REDES
– Referências (pesquisar mais e indicar em comentários):
Ameças por Hermano Viana, em O Globo de 12.08.2011, pag. 2 caderno 2.
PRETTO, Nelson; SILVEIRA, Sérgio Amadeu (orgs.). Além das redes de colaboração: internet, diversidade cultural e tecnologias do poder. Salvador: EDUFBA, 2008.

Aula 9 –
– Exposição
– Seminário – GT5 – INCLUSÃO DIGITAL
– Referências (pesquisar mais e indicar em comentários):
MEC vai distribuir tablets para escolas públicas em 2012, diz ministro. Materia da Tribuna da Bahia.
NEVES, Barbara Coelho. Mediação da informação para agentes sociodigitais: o salto. Revista Ciência da Informação.

Aula 10 –Temas da atividade final:
– GT 1 – Bibliotecário: hacker da informação
– GT 2 – Bibliotecários de sistemas: interaindo com bancos de dados
– GT 3 – Influências da internet em unidades de informação
– GT 4 – Redes sociais como potencializadores de interlocução entre bibliotecas e usuários.

VIDEOS:
Aula 1 a 4: História das TIC

Aula 6: Hacker

Aula 7: Internet

19 pensamentos sobre “TIC – I

  1. Segue referências e links de vídeos relacionados ao tema GT-4 Redes:

    http://repositorio.unb.br/bitstream/10482/7452/3/2009_GustavoVasconcellosCavalcante.pdf

    TRAVERS, J.; MILGRAN, S. An experimental study of the small world problem.Sociometry,v. 32, p. 425443, 1969.

    [S.l.]: Editora Pandion, 2009.UNIVERSIDADE DE LISBOA.
    Redes Complexas: Da Internet às Redes Sociais.julho 2009.

    WEILL, P.; DAMBROSO, U.; CREMA, R.Rumo à nova transdisciplinaridade: sistemas abertos de conhecimento

    Computer networks as social networks: Collaborative work, telework, and
    virtual community.Annual review of sociology, Annual Reviews, v. 22, n. 1, p. 213238, 1996.WEST,

    WIENER, Norbert.The human use of human beings: cybernetics and society. New York – EUA:Avon Books, 1973.

    Curtir

  2. GT-5 INCLUSÃO DIGITAL
    BUZATO, Marcelo El Khouri. Letramento e inclusão: do estado-nação à era das TIC. DELTA [online]. 2009, vol.25, n.1, pp. 01-38. ISSN 0102-4450.
    HILDA RODRIGUES DOS SANTOS

    Curtir

  3. Seguem referências consultadas para elaboração do trabalho do GT REDES:

    http://eprints.rclis.org/9555/1/Redes_de_Informa%C3%A7%C3%A3o_no_Brasil.pdf

    MANESS, José M. Teoria da biblioteca 2.0: web 2.0 e suas implicações para as bibliotecas. 2006. V.17. Dissertação (Mestrado) – Curso de Biblioteconomia e Documentação, Departamento de Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade da Paraíba, João Pessoa, 2007. p. -43-51.

    SILVA, Jose Fernando Modesto Da.Internet-Biblioteca-Comunidade Acadêmica: conhecimentos, uso e impactos; pesquisas em três universidades paulista (UNESP-UNICAMP-USP),. 2001. Uma v. Tese (Doutorado) – Curso de Biblioteconomia e Documentação, Departamento de Ciência da Informação e Documentação, UNESP, UNICAMP, USP, São Paulo, 2002. p. 38-72. Disponível em: . Acesso em: 22 set. 2013.

    [PDF] Redes e organizações: algumas questões conceituais e analíticas
    HEG Lopes, LFR MORAES – I ENEO. Anais… Curitiba, 2000 – anpad.org.br
    http://www.anpad.org.br/diversos/trabalhos/EnEO/eneo_2000/ENEO37.pdfacesso em 21.09.2013

    Curtir

  4. GT-5 Bom Prof. Bárbara como não estou conseguindo ver último comentário que postei acho que domingo, vou repetir achei algumas referência como:
    1.Inclusão digital e educação para a competencia informacional. uma quatao de etica e cidadania
    2.Inclusao digital.espaço possivel para pessoas com necessidade educativas especiais. site Revista Educacao especial
    3.Mediação da Informação para agentes sóciodigitais. O Salto
    4.Desafios para a inclusao digital no brasil
    5.Saberes e Conceitos sobre inclusao digital
    Visitei o site do Programa Digital do Brasil – Portal do Brasil algumas iniciativas interressantes, gostaria de saber de sua opinião, estamos no caminho certo ou a senhora tem alguma referência para sugerir.

    Muita Grata,
    Hilda Rodrigues dos Santos

    Curtir

  5. Bom dia prof. Bárbara , estou lendo também outro artigo sobre SABERES E CONCEITOS SOBRE A INCLUSÃO DIGITAL da Janete Aparecida Pereira Melo, PUCRS localizei na internet, gostaria de saber da sua opinião sobre essa referência junto com as demais que já postei no blog mas não estou conseguido ver os comentário se poderemos desenvolver bom seminário. Obrigada.
    Hilda Rodrigues dos Santos

    Curtir

  6. (GT1 – BANCO DE DADOS)
    Date, C.J.; Int. a Sistemas de Bancos de Dados, tradução da 4a.edição norte-americana, Editora Campus, 1991.

    Curtir

  7. Boa tarde Prof. Bárbara:

    ALGUMAS REFERÊNCIAS
    GT 5 – Inclusão Digital:
    Adorei o tema estou lendo alguns artigos como por exemplo Desafios para a inclusão digital no Brasil de  Fernando Augusto Mansor de Mattos e Gleison José do nascimento Chagas da PUC, Inclusão digital Inclusão digital educação para a competência informacional uma questão de ética e cidadania, Inclusão digital.espaço possível para pessoas com necessidade educativas especiais da Revista Educação Especial e Mediação da Informação para agentes sóciodigitais. o salto de sua autoria e visitei o site Programas de Inclusão Digital – Portal Brasil achei belíssima algumas iniciativas como os programas de inclusão digital do Estado brasileiro, mas ainda estou no começo das leituras. até breve…………….

    Curtir

(PEÇA O SEU MÓDULO ou CERTIFICADO DO CONCITEC) Deixe seu recado (indique o que achou do curso, dúvidas ou sugestões caso haja um novo encontro): Responderei seu comentario, obrigada!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s